sábado, 12 de novembro de 2011

Desenvolvimento econômico das mulheres deve ser acompanhado do compartilhamento das …



11/11/2011 por 

pautacom_dir
(Agência Patrícia Galvão/GloboNews) Acaba de ser lançado o Movimento Empresarial pelo Desenvolvimento Econômico da Mulher, que tem o objetivo de articular e mobilizar o setor produtivo para a realização de ações que contribuam para transformar as vidas de milhares de brasileiras, tanto dentro como fora das empresas.

Na cerimônia de lançamento da iniciativa, batizada de +Mulher360, foi lembrado que não basta dar oportunidades de trabalho para as mulheres, mas é preciso também criar mecanismos para o compartilhamento das responsabilidades domésticas e do cotidiano.
A iniciativa conta, até o momento, com a participação de 50 empresas (Walmart, Unilever, Nestlé, Kraft, Coca-Cola, Pepsico, HP e outras) e o apoio da Secretaria de Políticas para as Mulheres da Presidência da República e da ONU Mulheres, além da colaboração de várias organizações não-governamentais, como (Ashoka, Fundo Elas, Instituto Ethos, GIFE, Instituto Patricia Galvão entre outras).

sexta-feira, 4 de novembro de 2011

Vídeo promocional PSB!!!


Companheiras, divulguem o vídeo de promoção eleitoral do PSB que irá ao ar hoje dia 04.11.2011 a partir das 22:00H.

video

segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

Isolada, ex-prefeita Luiza Erundina ameaça deixar o PSB


Luiz Alves/Câmara



Luiza Erundina (PSB-SP), deputada federal
A possível chegada do prefeito Gilberto Kassab, que prepara a saída do DEM, ameaça provocar uma baixa histórica no PSB. Desiludida, a deputada Luiza Erundina (SP) promete deixar o partido se o flerte for consumado. Ela anunciou a decisão na noite de anteontem. Em tom de desabafo, acusou a direção da sigla de desprezar os ideais socialistas ao negociar a filiação de Kassab, que planeja levar aliados como o vice-governador Guilherme Afif (DEM). “Eles representam forças claramente conservadoras, de direita. Se forem aceitos, não terei mais espaço no partido. Não terei razão para estar nele”, afirmou Erundina. Aos 76 anos, a primeira mulher a governar a capital paulista (1989-92) não poupou adjetivos para atacar a aproximação: “absurda”, “inconsequente”, “incoerente”. Prometeu lutar “até o fim”, mas admitiu ter poucas chances de brecá-la. “Já estou isolada no partido há muito tempo. Se isso acontecer mesmo, não vou mais respirar politicamente no PSB”, sentenciou. (Folha

terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

Convite: Fórum Permanente de Vigilância em Favor da Vida e Contra a Violência- FVCV

No ano de 2010, o Movimento Unificado de Moradores de Vitória da Conquista, junto com outras entidades civis organizadas de nossa cidade, e demais grupos representativos como associações de moradores, igrejas, povo de santo, movimento negro e ONG's, se reuniram na Casa da Cidadania em busca de atomizar os espaços de debate em busca da paz. Os encontros, culminaram na organização do Manifesto pela Vida Contra a Violência. Justiça Já!, ocorrido em desagravo à todas as vítimas envolvidas na onda de violência perpetrada em Vitória da Conquista, após 28 de janeiro do ano passado.
Como desdobramento das atividades, foi realizado um Ato Público no dia 26 de fevereiro de 2010, na Praça Barão do Rio Branco e lançada a proposta de institucionalização de um fórum ecumênico e apartidário com vistas a colaborar na expansão dos ideais de construção de uma cultura de paz em nossa cidade. O Movimento Unificado de Moradores de Vitória da Conquista formalizou uma Comissão de Organização que irá encaminhar o processo eletivo para criação do Fórum Permanente de Vigilância em Favor da Vida e Contra a Violência- FVCV. A eleição de implantação da primeira Coordenação Executiva, ocorrerá no dia 26 de fevereiro de 2011 às 8:00 no auditório da ADTR- Av. Bartolomeu de Gusmão, 784, Bairro Jurema (antigo CEMAE).
Você é nosso convidado!
Comissão de Organização
Para maiores informações, entre em contato:
Idelzito Rocha – 3422 -8252- cel. 8807- 2854
Hailton Reis- 3420-8080- cel. 9141- 4052
Marco Luciano- 8811- 9560
Maris Stella- 9964- 2180
Josezito Ferreira- 3422- 8252- cel. 8802- 3562

terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

Pelo fim da indevida cobrança das tarifas telefônicas

Fim da cobrança telefônica 
SERÁ VOTADO EM MARÇO/2011...

VAMOS LÁ PESSOAL... 

Dê também o seu apoio a este Excelente projeto de Lei - A União vai fazer a Força.


CANCELAMENTO DA TAXA TELEFÔNICA de: R$ 40,37 (residencial) e R$ 56,08 (comercial)

Quando se trata do interesse da população, nada é divulgado.

COMO PROCEDER:
Ligue 0800-619619.

Ouça o menu, aperte 1 e espere a opção eletrônica. Digite 1 novamente, que é para votar a favor do cancelamento da taxa de telefone fixo.

O Projeto de Lei é o de n.º 5476/2001.

Esse tipo de assunto NÃO é veiculado na TV ou no rádio, porque eles não têm interesse e não estão preocupados com isso. Então nós é que temos de correr atrás, afinal quem paga somos nós!
O telefone a ser discado 0800-619619, de segunda à sexta-feira das 08 às 20h00) é da Câmara dos Deputados Federal. 

Passe para frente esta mensagem para o maior número possível.

segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

Parque Estadual de Canudos beneficiado com emenda de Lídice

A Fundação de Assistência Sócio - Educativa e Cultural (Fasec) assinou convênio com o Ministério da Cultura para execução da emenda parlamentar da deputada e Senadora eleita Lídice da Mata (PSB), com a finalidade de implantar equipamentos museográficos nos “Cenários” do Parque Estadual de Canudos (PEC). O valor da emenda é de 100 mil reais.

Músicas para recordar sempre.

Elizeth Cardoso
Basta ligar o som e clicar na música da sua escolha. 

sexta-feira, 7 de janeiro de 2011

A ELEGÂNCIA NO COMPORTAMENTO

por Martha Medeiros


 

Existe uma coisa difícil de ser ensinada e que, talvez por isso, esteja cada vez mais rara : a elegância do comportamento. É um dom que vai muito além do uso correto dos talheres e que abrange bem mais do que dizer um simples obrigado diante de uma gentileza.




É a elegância que nos acompanha da primeira hora da manhã até a hora de dormir e que se manifesta nas situações mais prosaicas, quando não há festa alguma nem fotógrafos por perto.




É uma elegância desobrigada.

terça-feira, 4 de janeiro de 2011

O Incrível exército de Dilma leão

Gil Vicente Tavares*

Após uma disputa eleitoral que chegou às mais sórdidas profundezas do atraso, com acusações à candidata Dilma que iam do lesbianismo ao ateísmo, da guerrilheira à mulher à favor do aborto - como se essas características fossem defeitos, que o são numa sociedade atrasada -, hoje, dia 1 de janeiro de 2011 a nova presidente do Brasil tomou posse.

De todos os momentos, imagens bonitas, discurso firme - e falando da cultura como elemento importante, algo ao menos simbólico pra mim - houve uma imagem que mexeu bastante comigo e com quem estava presente, ao meu lado.

sábado, 1 de janeiro de 2011

Discurso de posse da presidenta Dilma Rousseff

Queridas brasileiras e queridos brasileiros,


Pela decisão soberana do povo, hoje será a primeira vez que a faixa presidencial cingirá o ombro de uma mulher. Sinto uma imensa honra por essa escolha do povo brasileiro e sei do significado histórico desta decisão. Sei, também, como é aparente a suavidade da seda verde-amarela da faixa presidencial, pois ela traz consigo uma enorme responsabilidade perante a nação.



Para assumi-la, tenho comigo a força e o exemplo da mulher brasileira. Abro meu coração para receber, neste momento, uma centelha de sua imensa energia. E sei que meu mandato deve incluir a tradução mais generosa desta ousadia do voto popular que, após levar à presidência um homem do povo, decide convocar uma mulher para dirigir os destinos do país.



Venho para abrir portas para que muitas outras mulheres, também possam, no futuro, ser presidenta; e para que --no dia de hoje-- todas as brasileiras sintam o orgulho e a alegria de ser mulher.
ANA FLOR
ENVIADA ESPECIAL A BRASÍLIA

Dilma Vana Rousseff, 63, torna-se hoje a primeira mulher a ocupar a Presidência da República. Quadragésima presidente do país, sua prioridade já foi definida: lançar um plano nacional de erradicação da miséria.

O plano fará parte de seu discurso de posse, que vai enfatizar a necessidade de aprofundar as mudanças iniciadas por Luiz Inácio Lula da Silva, seu antecessor e mentor político. A ideia será sintetizada no mote “um Brasil que apenas começou”.

Sob o carimbo da continuidade, Dilma quer cravar seu próprio selo social, a exemplo do Fome Zero e do Bolsa Família, arrimo da alta aprovação lulista.